Introdução ao Drupal

O Drupal é um sistema de gerenciamento de conteúdo (CMS) que agiliza o desenvolvimento de Portais Corporativos, pois permite a criação de conteúdos estruturados, com o uso de entidades e distintas formas de apresentação desses dados, em um padrão similar ao MVC, porém, sem a necessidade de codificação. Apesar disso, é um sistema para profissionais de tecnologia da informação.

A plataforma fornece recursos para a criação, edição e remoção de conteúdos, bem como recursos de gerenciamento de menus e controle de permissões. O Drupal utiliza um modelo de dados com suporte a campos de diversos tipos, como texto, texto com formatação, números, data, arquivos, imagens, bem como permite o relacionamento entre as entidades.

A visão (View) é totalmente desacoplada do modelo de dados, o que permite a apresentação dos dados de diferentes formas, seja em lista, em tabela, em grade (grid), slideshow, acordeon (accordion), etc. Parece programação? É programação por configuração, ao estilo low code, por isso é necessário entender de lógica de programação para utilizá-lo corretamente.

Em grandes projetos, que podem requerer alguma codificação, percebe-se que ele é altamente customizável e extensível, faz o papel de um framework de alto nível construído sob o framework Symfony. Há uma grande base de módulos, criados pela comunidade do Drupal, que adicionam novos recursos e podem ser utilizados para aprender a codificar em Drupal.

Outra característica relevante para o desenvolvedor front-end é a utilzação do processador de templates Twig para a criação de temas. Assim, o esforco de codificação para criação de um Portal Corporativo concentra-se na elaboração da identidade visual em HTML/CSS. Os temas do Drupal contém a estrutura do HTML com a indicação das áreas que terão seus conteúdos gerenciados pelo Drupal, que são denominadas Regiões.

Conheça mais lendo o meu livro sobre Drupal. Se for uma empresa, contrate uma capacitação.

 

Informações adicionais

 

Simplytest.me

O simplytest.me fornece instâncias temporárias do Drupal a partir da instalação automatizada de um conjunto de módulos e temas selecionados, com resolução automática de dependência. Use a opção Advanced Options para selecionar os módulos e temas adicionais que devem ser instalados. Após criar a instância do Drupal, autentique-se com usuário e senha “admin”.

 

Reinaldo Gil Lima de Carvalho é Analista Judiciário do TRT 8ª Região,
consultor do Debian GNU/Linux e organizador compulsivo do conhecimento.

%d blogueiros gostam disto: